CDMA Technology
Members Sign-In
Informações do CDG na Imprensa

PUBLICADA ESPECIFICAÇÃO PARA BANDA ULTRA-LARGA MÓVEL

 Evolução para UMB (Banda Ultra-Larga Móvel) marca a primeira solução em banda larga baseada em IP do mundo, permitindo picos de taxas de dados de 288 Mbps com latências médias abaixo de 16 msec

English | Espanol

COSTA MESA, CALIF. — 24 de setembro de 2007 — O CDMA Development Group (CDG) (www.cdg.org) e o Third Generation Partnership Project 2 (3GPP2) (www.3GPP2.org) anunciaram hoje a publicação da especificação interface ar (UMBTM) Ultra Mobile BroadbandTM-- 3GPP2 C.S0084-0 v2.0. A especificação UMB deverá ser rapidamente convertida em um padrão global oficial pelos parceiros da organização 3GPP2, que incluem a Association of Radio Industries and Businesses (ARIB) do Japão, a China Communications Standards Association (CCSA), a Telecommunications Industry Association (TIA) da América do Norte, a Telecommunications Technology Association (TTA) da Coréia e o Telecommunications Technology Committee (TTC) do Japão. A TIA pretende designar o padrão UMB como TIA- 1121. A publicação dessa especificação marca o primeiro padrão em banda larga do mundo baseado em IP, possibilitando picos de taxas para download de dados de 288 em uma largura de banda de 20 MHz, enquanto preserva grandes economias de escopo e escala.

A UMB representa um importante avanço na nova geração de serviços de banda larga móvel, possibilitando a transferência de IP nativo, largura variável, pacotes de dados com velocidades de magnitude superior àquelas disponíveis comercialmente nos dias de hoje. É o mais recente membro da família de padrões CDMA2000® que foram totalmente projetados para aprimorar a experiência total do usuário final e reforçar as receitas potenciais das operadoras.

UMB é a principal solução para acesso múltiplo OFDMA (Orthogonal Frequency Division Multiple Access), utilizando mecanismos de controle e sinalização sofisticados, gerenciamento de recursos de rádio (RRM), gerenciamento de interferência adaptável reverse link (RL) e avançadas técnicas de antenas, como sistemas MIMO (Multiple Input Multiple Output), Space Division Multiple Access (SDMA) e o arranjo em beamforming. A solução UMB é dirigida a uma grande e variada camada de serviços avançados de banda larga móvel, transmitindo tráfego de voz de baixa latência a baixos preços em uma extremidade do espectro e na outra extremidade do mesmo modo eficiente, tráfego de dados em banda larga a velocidades ultra rápidas e sem latência. Para suportar acesso onipresente e universal, a tecnologia UMB é compatível com transferências entre tecnologias e operações contínuas com os sistemas CDMA2000 1X e 1xEV-DO já existentes.

A integração e otimização desta e outras técnicas modernas de acesso por rádio em um padrão único, aberto e global representa um importante avanço no setor de comunicações móveis. Assim, a solução UMB oferece uma irresistível experiência ao usuário com base no mais sólido desempenho e proposição de valor econômico disponíveis dentro do setor wireless, incluindo:

  • Dados em Alta Velocidade: Velocidade de picos de download e upload de 288 Mbps e 75 Mbps, respectivamente, em um ambiente móvel com largura de banda de 20 MHz.
  • Capacidade de Dados Ampliada: Poder de transmitir voz e dados em banda larga de alta capacidade em todos os ambientes; fixos, em movimento e totalmente móvel, a mais de 300 km/h.
  • Baixa Latência: Latência média de 14,3 msec “over-the-air” para suportar VoIP, push-to-talk e outras aplicações sensíveis ao tempo com instabilidade mínima.
  • Aumento da Capacidade VoIP: Até 1000 usuários de Voz sobre IP(VoIP) simultâneos dentro de um único setor, 20 MHz de largura de banda em um ambiente móvel sem reduzir a capacidade de processamento de dados simultâneos.
  • Ampla Cobertura: Grandes áreas de cobertura de redes de longa distância(WAN) equivalentes às redes celulares existentes; com cobertura simultânea para roaming contínuo ou cobertura não-contígua para aplicações em zonas quentes.
  • Total Mobilidade: Suporte de mobilidade robusto com transferências contínuas incorporadas a todos os aspectos do design UMB.
  • Rede de Acesso Convergente: Suporta a implantação de uma Rede de Acesso Convergente (CAN), que é uma avançada arquitetura Radio Access Network (RAN) baseada em IP sendo desenvolvida pelo 3GPP2 para suportar tecnologias de acesso múltiplo e capacidades avançadas de rede, como QoS avançada, com menos nodos de rede e menores latências.
  • Multicasting: Suporte para multicast de alta velocidade de conteúdo rico de multimídia
  • Flexibilidade de Implantação: Pode ser implantada em distribuições flexíveis de largura de banda entre 1,25 MHz e 20 MHz, usando distribuições de larguras de banda em canais adicionais de cerca de 150 kHz, dentro de bandas espectrais de 450 MHz, 700 MHz, 850 MHz, 1700 MHz, 1900 MHz, 1700/2100 MHz (AWS), 1900/2100. A rede de acesso por rádio UMB baseada em IP foi também projetada para interagir com redes legacy de circuito comutado.
  • Disponibilidade de Aparelhos: Aparelhos Multi-mode, multi-band UMB irão incrementar a seleção de aparelhos CDMA 3G existente para preservar economias de escala.
  • Forte Ecossistema: UMB aumenta o retorno dos clientes e provedores habituais do ecossistema CDMA 3G existente para alcançar grandes economias de escopo.
  • Colocação no Mercado: UMB deverá estar disponível comercialmente em bases globais na primeira metade de 2009.

A abrangência da especificação publicada e a proposição de valor acima otimizam o grande ecossistema 3GPP2 e suas economias de escopo e escala de forma a permitir substanciais benefícios econômicos e um caso de negócio sustentável para as operadoras 2G e 3G em todo o mundo. A tecnologia deverá suplantar outras tecnologias de banda larga wireless para se transformar no padrão líder adotado para a próxima geração de telecomunicações móveis.

Mais informações sobre a especificação interface ar UMB estão disponíveis em www.cdg.org and www.3gpp2.org.

Sobre o CDG
O CDMA Development Group é uma associação comercial formada para promover o desenvolvimento, implementação e utilização mundial de tecnologias CDMA2000 As mais de 130 empresas associadas ao CDG incluem muitas das maiores portadoras e fabricantes de equipamento wireless do mundo. As principais atividades do CDG incluem o desenvolvimento de recursos e serviços de CDMA2000, relações públicas, educação e seminários, questões normativas e suporte internacional. Atualmente, existem mais de 500 pessoas trabalhando nos vários subcomitês do CDG relacionados à tecnologia CDMA2000. Para mais informações sobre o CDG, entre em contato com o CDG News Bureau no número +1-714-540-1030, ou visite o site do CDG na Internet no endereço www.cdg.org

Sobre o 3GPP2
O Third Generation Partnership Project 2 é um projeto participativo de definição de especificações para telecomunicação de Terceira Geração(3G) englobando interesses na América do Norte e Ásia. Os cinco Parceiros na Organização do projeto Third Generation Partnership Project 2, Organizações de Desenvolvimento de Padrões nacionalmente reconhecidas, são: Association of Radio Industries and Businesses (ARIB)- Japão, China Communications Standards Association (CCSA)- China, Telecommunications Industry Association (TIA) -- EUA, Telecommunications Technology Association (TTA)– Coréia e Telecommunication Technology Committee (TTC) - Japão. Para mais informações sobre 3GPP2, entre em contato com Henry Cuschieri na secretaria do 3GPP2 pelo número + 1-703-907-7497, e-mail secretariat@3gpp2.org ou visite o site do 3GPP2 na Internet no endereço www.3gpp2.org.

###  

Nota aos editores
cdmaOne é uma marca comercial registrada do CDMA Development Group. CDMA2000 é uma marca comercial registrada da Telecommunications Industry Association (TIA-EUA). Todas as outras marcas comercias são de propriedade de seus respectivos donos.